Hotel "CASA NA ÁRVORE" tem vista 360º para montanhas

(Foto: Chen Hao/Divulgação)






Uma casa revestida de madeira, com blocos de diferentes tamanhos, organizados verticalmente um em cima do outro ao redor de uma escada caracol central. Pode parecer estranho, mas esse é o hotel Qiyunshan Tree House, localizado nas montanhas Huangshan, na parte rural da China.

Projetado pelo escritório Bengo Studio, da cidade de Shangai, o hotel tem um design moderno e inovador, que lembra uma casa na árvore. Com 120 m², ele é revestido com ripas de madeira natural, que contrastam com as grandes janelas e o guarda-corpo de vidro fosco, equilibrando visualmente o peso da madeira.

(Foto: Chen Hao/Divulgação)





A entrada se dá no bloco mais curvado, com vidros em todas as paredes, instigando a curiosidade do hóspede. Nos dois blocos abaixo, estão localizados um quarto e um banheiro; enquanto nos três acima estão a sala de estar, um ambiente de contemplação com vista para a floresta, o segundo quarto, mais um banheiro e o deck de cobertura.
Como os blocos estão organizados em ângulos distintos, cada ambiente oferece uma visão diferente, permitindo que os seus hóspedes tenham uma vista 360º do local. Nada mal, não é mesmo?

(Foto: Chen Hao/Divulgação)







(Foto: Chen Hao/Divulgação)







(Foto: Chen Hao/Divulgação)







(Foto: Chen Hao/Divulgação)






Fonte:






Confira: 5 Hotéis submersos





The Manta Resort


Imagine-se encapsulado em uma bolha azul turquesa assistindo aos cardumes de peixes nadando ao seu redor, às vezes em três ou quatro camadas de espécies diferentes. É assim que o Manta Resort descreve a experiência do quarto submerso, uma das hospedagens disponíveis no hotel. A casinha no meio do mar, na Ilha de Pemba, na Tanzânia, tem três andares, um deles submerso – onde está localizado o dormitório.




(Foto Reprodução/Susaara)




Atlantis The Palm

Este resort de luxo em Dubai também tem seu quarto submerso. Com o tema “Atlantis, a cidade mítica perdida”, o hotel oferece uma vasta programação de atividades aquáticas, e serviço personalizado como em qualquer outro hotel de luxo, especialmente em Dubai. Nas duas suítes submersas, janelas que vão do chão até o teto oferecem a experiência de acordar olhando para o fundo do mar.







Resort World Sentosa Singapore


Cada uma das onze suítes submersas deste resort na Ilha de Sentosa, em Cingapura, é projetada em construções de dois andares, oferecendo aos hóspedes a experiência do oceano e da terra: o andar de cima tem uma sala de estar aberta, com um patio ao ar livre, e o andar de baixo oferece uma vista de mais de 40.000 peixes, de dentro da suíte.




(Foto Reprodução/Poseidon Resorts)




Poseidon Undersea Resorts

Como o próprio nome diz, em inglês, este pretende ser o primeiro resort inteiramente submerso, em Fiji. Apesar de ainda não aceitar reservas, o hotel oferecerá, além da hospedagem, uma série de atividades debaixo da água, assim como a experiência de viver em um ambiente totalmente mergulhado no mar.







Hotel Otter Inn

Uma pequena casinha flutuante na cidade de Västerås, na Suécia. É assim que se parece o hotel quando visto de longe, mas ele esconde um detalhe: um andar para baixo, submerso, onde está localizado um quarto com janelas que permitem ver o fundo do mar. Além disso, o empreendimento conta com um pequeno deque para que os hóspedes aproveitem o dia ao ar livre.




Fonte:











Fita adesiva torna qualquer superfície compatível com Lego

(FOTO: DIVULGAÇÃO/NIMUNO LOOPS)



A ideia é tão simples que faz pensar "como ninguém pensou nisso antes?". Uma fita adesiva em que um de seus lados é feito de uma tira de plástico flexível com os mesmos moldes de encaixe das peças de lego. É só colar no lugar que você quiser e começar a construir. É possível cortá-las e flexioná-las do jeito que quiser.

O acessório, chamado de Nimuno Loops, foi colocado pelos seus criadores no Indiegogo para financiamento coletivo, mas já ultrapassou em 11406% a sua meta: querendo alcançar oito mil dólares, o brinquedo conseguiu arrecadar um pouco mais que 910 mil dólares.





A ideia foi de uma dupla de designers da Cidade do Cabo, na África do Sul, Anine Kirsten e Max Basler. Os dois dizem na descrição do crowdfunding que sempre se interessaram pelo trabalho com brinquedos, principalmente com aqueles que estimulam a critividade e interação das crianças com o mundo a sua volta.

Um kit de duas fitas com dois metros custa em torno de 34 reais. Já um conjunto maior com seis fitas multicoloridas, com seis metros, sai por 107 reais. Tudo isso não inclui o preço de frete, que é mundial. 


(FOTO: DIVULGAÇÃO/NIMUNO LOOPS)




(FOTO: DIVULGAÇÃO/NIMUNO LOOPS)





A arrecadação de dinheiro foi feita para custear os estágios finais da produção do brinquedo, principalmente a construção de máquinas capazes de fabricar as fitas em larga escala, além de toda logística para distribuição dos produtos ao redor do mundo.













Fonte:






Bióloga faz fotos com insetos no rosto para mostrar que são inofensivos

(FOTO: TWITTER/NANCY MIORELLI)




Uma bióloga americana tem feito algo inusitado para desmistificar o desprezo que as pessoas sentem por insetos. Nancy Miorelli costuma colocar os pequenos bichos em seu rosto para fazer selfies. Depois, ela posta as fotos em seu twitter junto com a hashtag #facebug. Ela vem colocando as imagens no perfil @realscientists e na sua página pessoal @SciBugs.
A entomologista (especialista em insetos) atualmente vive em Maquipucuna, uma reserva natural no Equador. Lá ela faz apresentações e tours para mostrar a variedade da fauna local, e ressalta a importância dos bichinhos para a manutenção do ecossistema. Além de tudo isso, claro, ela ajuda os visitantes a superarem seus medos colocando-os no próprio rosto.

FOTO: ARQUIVO PESSOAL/NANCY MIORELLI)





Segundo ela, a maioria das pessoas que vêm de grandes cidades veêm o ambiente interno e externo como meios extremamente separados. Dessa forma, elas se protegem de todos os jeitos do que vem do lado de fora. Lá, os insetos são menores, geralmente picam ou mordem, sendo considerados pestes.



(FOTO: TWITTER/NANCY MIORELLI)





Ela explica que, por isso, entende o nojo e o medo em relação aos animais quando elas chegam a um lugar como Equador. Acontece que em lugares tropicais e abertos, onde há pouca intervenção urbana, estes bichinhos não são tão pequenos, e, na verdade, são bem importantes para o funcionamento do ecossistema.



(FOTO: ARQUIVO PESSOAL/NANCY MIORELLI)





Ela diz que colocá-los no rosto ajuda a ter uma noção melhor do tamanho que eles podem chegar. "Quando você mostra um louva-a-deus ao lado de pequenos sapos, começa a fazer sentido que esses insetos podem comer animais vertebrados", ela explica em reportagem ao Quartz.



(FOTO: TWITTER/NANCY MIORELLI)





Miorelli também convida seus colegas entomologistas a fazerem um #facebug para mostrar os animais que eles estudam. Obviamente, ela sabe que alguns deles são realmente perigosos e, por isso, alerta que não é possível colocar qualquer inseto no rosto. Apenas especialistas conseguem distinguir qual deles é seguro ou não para interagir.



Fonte:










Confira os filmes que vão estrear nesta semana


'A Bela e a Fera' ('Beauty And The Beast')



Sinopse: Versão da animação A Bela e a Fera em live action. Moradora de uma pequena aldeia francesa, Bela (Emma Watson) tem o pai capturado pela Fera e decide entregar sua vida ao estranho ser em troca da liberdade do progenitor. No castelo ela conhece objetos mágicos e descobre que a Fera é na verdade um príncipe que precisa de amor para voltar à forma humana.









'Tinha Que Ser Ele?' ('Why Him?')





Sinopse: Ned (Bryan Cranston) leva a família inteira para visitar a querida filha Stephanie (Zoey Deutch) durante o feriado do Natal, mas ao encontrá-la entra em conflito com o namorado dela (James Franco), um rapaz excêntrico que ficou rico por causa da internet









'Eles Só Usam Black Tie' ('Necktie Youth')





Sinopse: Um ano após o sombrio suicídio de uma menina misteriosamente transmitido ao vivo na internet, um grupo de jovens ricos vive, em Joanesburgo, em busca de respostas, drogas, distração e salvação. A tragédia os obriga a reavaliar suas próprias vidas e debater assuntos como raça, política e sexualidade.








'Fátima'





Sinopse: Fátima cria sozinha as duas filhas: Souad, de 15 anos, adolescente rebelde; e Nesrine, de 18 anos, começando os estudos de medicina. Ela não fala bem francês, o que frustra sua comunicação com as filhas, mas ainda assim ambas são a razão para que ela siga em frente. Um dia, em seu emprego como empregada doméstica, ela cai de uma escada. Convalescendo, escreve em árabe tudo o que nunca conseguiu dizer às filhas em francês.







'Era o Hotel Cambridge'





Sinopse: Refugiados recém-chegados ao Brasil dividem com um grupo de sem-tetos um velho edifício abandonado no centro de São Paulo. Além da tensão diária que a ameaça de despejo causa, os novos moradores do prédio terão que lidar com seus dramas pessoais e aprender a conviver com pessoas que, apesar de diferentes, enfrentam juntos a vida nas ruas.







'Estopô Balaio'





Sinopse: O filme narra o trabalho e atuação do Coletivo Estopô Balaio, grupo teatral que há cinco anos desenvolve um processo artístico, a partir das experiências dos moradores do Jardim Romano (São Paulo), com as águas das enchentes que assolaram suas vidas durante dez anos.








'Jonas e o Circo Sem Lona'





Sinopse: Aos 13 anos de idade, Jonas é filho e neto de artistas de circo. O garoto tem seu próprio circo improvisado, frequentado pelos moradores do pobre bairro onde vive, na Bahia. É ele quem coordena os números, prepara os figurinos, a música e controla os ingressos. Jonas pretende abandonar a escola para se juntar ao tio e viver num circo itinerante, mas a mãe prefere que ele permaneça na escola. No meio desta briga, ele descobre as dificuldades da vida adulta.








'O Filho de Joseph' ('Le Fils de Joseph')





Sinopse: Vincent (Victor Ezenfis) é um jovem que vive com a sua mãe. Sem nunca ter conhecido seu pai, ele sai em busca de sua identidade. As investigações o levam a um cínico e maquiavélico publisher em Paris, que o fará tomar decisões drásticas.








'Os Cowboys' ('Les Cowboys')





Sinopse: Alain (François Damiens) é um dos pilares da comunidade, junto com a esposa e o casal de filhos. Mas quando sua filha Kelly, de apenas 16 anos, desaparece com o namorado muçulmano ele vai atrás da menina e não desiste de procurá-la. Sua vida normal fica para trás e ele leva consigo o filho Kid (Maxim Driesen), que sacrifica sua juventude pela empreitada.







'Pedro Osmar - Pra Liberdade Que Se Conquista'





Sinopse: Pedro Osmar é um grande artista paraibano, apesar de pouco conhecido pelo Brasil. Além de suas músicas ja terem sido gravadas por nomes como Elba Ramalho, Lenine, Zé Ramalho e Zeca Baleiro, esse nordestino talentoso já escreveu muitos textos que foram montados para o teatro. O músico, poeta e artista plástico iniciou sua carreira em 1970, nos festivais de MPB de João Pessoa, e, desde então, segue encantando muitas pessoas.







'La Vingança' ('La Vinganza')





Sinopse: Dois amigos caem na estrada com destino a Buenos Aires, a bordo de um Opala laranja 72, com uma missão: conseguir ficar com o maior número de mulheres possível. Isso tudo é um plano para lavar a honra de Caco, um homem de trinta e poucos anos que pegou sua namorada na cama com um argentino.







Fonte:





#ZICAZERO